Expedição Tucunaré Azul - RELATO COMPLETO

Relatos em tempo real das pescarias ... Poste aqui a sua aventura e fique ligado nas pescarias realizadas ...
Avatar do usuário
Ricardo Sanches
ANZOL DE BRONZE
Mensagens: 134
Registrado em: Sáb Ago 14, 2010 1:45 pm
Localização: Toledo - PR

Expedição Tucunaré Azul - RELATO COMPLETO

Mensagempor Ricardo Sanches » Qua Jun 27, 2018 11:46 am

Salve galera da pesca esportiva, venho através desse relatar como foi a aventura da Expedição Tucunaré Azul, história que pode também ser conferida na edição 280 da revista Pesca e Companhia.

Tudo começou no começo de 2017, quando me surgiu uma ideia, partir em uma jornada atrás dos grandes tucunarés azuis, a qual passaria por quatro destinos. Assim, formamos a equipe, composta por três pescadores aficionados pela pesca esportiva, eu Ricardo Sanches e meus parceiros de pesca Thiago Camero e Gustavo Hillesheim. Dessa maneira, bastou colocar a ideia no papel, buscar apoio de empresas que a comprassem e correr atrás de torná-la realidade. Foi um ano todo entre a elaboração do projeto e o dia em que literalmente colocamos o pé na estrada e partimos atrás de aventura, conhecimento e claro, peixe grande.

O roteiro partia de Toledo PR rumo ao reservatório de Ilha Solteira SP, lago de Serra da Mesa GO, Lago do Peixe Angical TO e já no caminho de volta, São Simão GO. Cronograma de um dia e meio de pescaria em cada local, com exceção do lago do Peixe Angical, onde seriam 5 dias.
O maior desafio seria encontrar os famosos azulões nos locais em que não iríamos pescar por muito tempo, principalmente em virtude da falta de conhecimento dos pontos. Identificar as estruturas e a técnica adequada para capturá-los exigiria muita observação, leitura do local, das condições ambientais e identificação do comportamento dos peixes.

Cientes de quase tudo que poderíamos encontrar, pois na pescaria e em aventuras como essas sempre prevalece o incerto, chegou o dia de iniciar a expedição. Assim, partimos com o carro e uma carreta adaptada com três caiaques, muita bagagem e com a cabeça cheia de entusiasmo e expectativa, prontos para enfrentar até então a maior aventura de nossas vidas.

Ilha Solteira – 30/11 a 01/12:
O primeiro destino foi o reservatório de Ilha Solteira, na divisa entre o estado São Paulo e Mato Grosso do Sul. Alguns quilômetros antes da chegada fomos recebidos por uma forte chuva, que nos acompanhou durante quase toda estadia na região, contrariando a previsão de que seriam apenas algumas pancadas isoladas. O dia de pescaria começou de baixo de muita água, nada que desanimasse, pois estávamos preparados e dispostos a enfrentar qualquer condição que viesse pela frente.

A pescaria no local não estava fácil, apesar de muita ação, a maioria dos peixes que entravam eram pequenos. Insistimos muito e variando as estratégias de pesca, foi possível encontrar alguns exemplares maiores, porém com comportamento manhoso, mostravam toda sua exuberância e acabavam se camuflando novamente dentre as estruturas. Por mais que houvesse insistência desapareciam e nos deixavam com “água na boca”.
Persistência não faltou, sabíamos que o troféu não tardaria em aparecer e assim fomos presenteados com um belo azulão. Após uma briga intensa, momentos de euforia e satisfação fizeram parte da captura, das fotos e soltura do peixe. Dever cumprido em Ilha Solteira.

Vídeo com alguns momentos da pescaria em Ilha Solteira:

youtu.be/kgDTatD_pw4


Serra da Mesa – 02 a 03/12:
Seguimos mais de 900 Km rumo a Serra da Mesa, lá fomos recebidos pelo pessoal da pousada Serra Negra, local simples, que oferece variadas acomodações e serviços para pescadores esportivos. A grande vantagem da pousada é sem dúvida a localização, fica praticamente aos pés da Serra Negra, ponto de referência no lago, onde se encontram os principais pontos de pesca. Iríamos enfrentar uma grande seca que já dura mais de dois anos na região, nível do reservatório a 6%.

Madrugamos na beira do lago e fomos com tudo para cima dos peixes, logo nos primeiros arremessos uma bela porrada na superfície, porém o grande tucunaré azul não entrou, apenas seguiu a isca mostrando toda sua beleza, chegando próximo do caiaque e se despedindo rumo ao fundo com suas nadadeiras azuis brilhantes. Foram alguns minutos tentando rever novamente o que seria um troféu, porém sem resultados. Essa cena criou uma expectativa de que seria um dia de muitas ações, o que não ocorreu com o passar das horas.

Poucas ações, porém, quando algum peixe resolvia aparecer, era encrenca e, em virtude da quantidade de estruturas de pauleiras, acabava levando a melhor. Sem desistir, continuamos a variar na estratégia, pescando em diferentes estruturas e principalmente utilizando diversos tipos de iscas. Dessa maneira, uma verdadeira placa de tucunaré azul não resistiu e abocanhou uma isca de profundidade, o que sucedeu foram minutos de uma briga franca e intensa em meio a troncos retorcidos da antiga vegetação de cerrado há anos alagada.

O destino colaborou e conseguimos colocar as mãos no troféu, conquistando o objetivo de capturar uma verdadeira nave do famoso reservatório de Serra da Mesa, comprovando que a região ainda abriga verdadeiros monstros de nadadeiras azuis!

Lago do Peixe Angical – 04 a 09/12:
Com o objetivo cumprido no segundo destino, colocamos novamente os caiaques na carreta e partimos em direção ao estado do Tocantins, onde fomos recebidos pelo amigo Marcos da pousada Pescaiaque Goiás, única no Brasil especializada em pesca esportiva com caiaque, porém também oferece pacotes de pesca em embarcações motorizadas. O que nos aguardavam eram 5 dias de pesca e desses, 3 dias acampando nas margens do lago.

O lago do Peixe Angical realmente nos surpreendeu com sua beleza e quantidade de peixes, logo no primeiro dia foi um festival de ataques na superfície, o que ocorreu durante toda nossa estadia na região. A maioria dos tucunarés não era de porte muito grande, porém todos os dias encontrávamos ao menos um exemplar de respeito que demostrava toda a força e beleza dos azuis tocantinenses.

Os dias acampados foram uma aventura a parte, a sensação de estar em meio a natureza, com tudo que é necessário no próprio caiaque é única. Nesse período, remamos aproximadamente 45 km, percorrendo braços e grotas com paisagens exuberantes! E para completar, os maiores exemplares capturados na região foram nesses 3 dias de acampamento. Cada um de nós teve a satisfação de fisgar o próprio troféu – recordes pessoais quebrados.

Vídeos da pescaria no lago do peixe Angical:

youtu.be/i8aGbgHs2cM

youtu.be/ObYZ2nQ2NJ8

youtu.be/iDCo2iLWnFM

São Simão - 10 a 12/12
Ao final dos dias passados no lago do Peixe, partimos rumo a São Simão, já com a sensação de dever cumprido, porém a ansiedade continuava para conhecer mais esse local e garantir outros azulões! Já no caminho tivemos uma notícia animadora, nosso amigo Tuênio, grande pescador esportivo e profundo conhecedor do local, que nos daria suporte, informou que estava saindo muito peixe grande. Expectativa ficou ainda maior, seria esse um desfecho digno de filme para nossa expedição?

Em algumas horas de pescaria percebemos que realmente havíamos acertado uma época espetacular na região, pois logo começamos a avistar casais de grandes tucunarés próximos às margens. O resultado não poderia ter sido melhor, foram belos azulões capturados, a maioria no visual.
O lago de São Simão realmente nos surpreendeu, proporcionou a captura do grande troféu da expedição e nova quebra de recordes pessoais para nós três. Ou seja, foi um final clichê, daqueles de filme em que o melhor da história fica para o final, algo que não era imaginado nem no sonho que tínhamos inicialmente.

Vídeos da pescaria em São Simão:

youtu.be/vuSLKfWzMgc

youtu.be/ED9lkB84Bq4


Ao final de 14 dias de aventura, chegamos de volta a Toledo no PR, com os objetivos conquistados trazendo na bagagem conhecimentos adquiridos, novas amizades, muitas imagens e a vontade de voltar para cada um dos locais que visitamos.

Dados numéricos da Expedição:
Duração:
• 14 dias de expedição;
• 10 dias de pesca;
Distâncias percorridas:
• Aproximadamente 4.000 Km de carro;
• Desses cerca de 120 Km de estrada de chão;
• Mais de 140 Km remados;

Dica das iscas que mais deram resultado:

youtu.be/OlybevteBAQ

Valeu pessoal, espero que tenham gostado!

Um abraço e boas pescarias a todos.
Ricardo Sanches
Engenheiro de Pesca
Mestre em Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
Mas acima de tudo Pescador esportivo! :D
Avatar do usuário
Arnaldo dos Santos
ANZOL DE ALUMÍNIO
Mensagens: 57
Registrado em: Dom Fev 03, 2013 12:46 am
Localização: São Paulo - SP

Re: Expedição Tucunaré Azul - RELATO COMPLETO

Mensagempor Arnaldo dos Santos » Qua Jun 27, 2018 11:30 pm

Muito legal o relato, videos e a aventura! Parabéns.
Arnaldo Santos
/ct0
Avatar do usuário
Ricardo Sanches
ANZOL DE BRONZE
Mensagens: 134
Registrado em: Sáb Ago 14, 2010 1:45 pm
Localização: Toledo - PR

Re: Expedição Tucunaré Azul - RELATO COMPLETO

Mensagempor Ricardo Sanches » Qui Jun 28, 2018 11:32 am

Arnaldo dos Santos escreveu:Muito legal o relato, videos e a aventura! Parabéns.


Obrigado meu amigo! Abraço!
Ricardo Sanches
Engenheiro de Pesca
Mestre em Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
Mas acima de tudo Pescador esportivo! :D
Avatar do usuário
Augusto Rocha
ANZOL DE BRONZE
Mensagens: 188
Registrado em: Ter Mai 19, 2009 10:43 pm
Localização: São Paulo - SP
Apelido: Guto

Re: Expedição Tucunaré Azul - RELATO COMPLETO

Mensagempor Augusto Rocha » Qui Jun 28, 2018 12:22 pm

Parabéns pela expedição/pescaria!!!
Avatar do usuário
Ricardo Sanches
ANZOL DE BRONZE
Mensagens: 134
Registrado em: Sáb Ago 14, 2010 1:45 pm
Localização: Toledo - PR

Re: Expedição Tucunaré Azul - RELATO COMPLETO

Mensagempor Ricardo Sanches » Ter Set 04, 2018 1:20 pm

Augusto Rocha escreveu:Parabéns pela expedição/pescaria!!!


Valeu meu amigo!

Abraço e boas pescarias!
Ricardo Sanches
Engenheiro de Pesca
Mestre em Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
Mas acima de tudo Pescador esportivo! :D

Voltar para “- CATERVA NEWS - FÓRUM DE RELATOS”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante